Saúde Oral de Grávidas e bebés

Sobre

Saúde Oral nas Grávidas

Na grávida existem diversos mitos dentários gestacionais nomeadamente se a gravidez enfraquece os dentes e propicia a cárie.

É um mito porque o cálcio está presente nos dentes da mãe de forma estável e não passa para a circulação sistémica, por isso a gravidez não propicia nem o aumento da cárie nem o enfraquecimento dos dentes. Por sua vez, na gravidez, devido às alterações hormonais a gengiva pode doer e sangrar facilmente mas deve ser na mesma higienizada, pois pode, posteriormente, desenvolver outras patologias orais (vide periodontologia).

A grávida deve visitar com regularidade o seu médico dentista a fim de garantir uma boa saúde oral, pois uma infeção oral é mais prejudicial para a saúde do bebé do que o tratamento dentário.

Na gestante faz-se também o chamado “ pré-natal odontológico” onde são passadas informações importantes sobre a saúde oral do bebé.

Sobre

Saúde Oral em bebés

Por sua vez, os idosos também devem consultar o seu médico dentista, visto que com o avançar da idade podem surgir cáries radiculares, doença periodontal, perda de dentes, alterações funcionais da cavidade oral (mastigação), desgaste dentário, cancro oral, etc. Daí a importância de ser seguido na consulta dentária e informar o seu médico dentista de todos os problemas de saúde que padece e qual a medicação que toma para que possa ser planeado um plano terapêutico ideal.

Aconselha-se ainda que mantenha sempre uma boa higiene dentária, uso de escovilhões interdentários e fio dentário para melhor higienizar os espaços entre os dentes e usar uma pasta fluoretada bem como um colutório indicado para o seu caso específico.

Consulta

Marque a sua consulta

conheça

Outras especialidades

Saúde Oral em Idosos

Endodontia

Terapia da Fala

Fisioterapia e Osteopatia

Branqueamento

DTM – Disfunção Temporo-Mandibular